As melhores ações inglesas

Negociar as ações inglesas requer um bom conhecimento desses títulos. Veja nossos artigos dedicados aos títulos britânicos mais populares.

Negociar as ações inglesas!
80.5% das contas de clientes particulares perdem dinheiro, ao transacionar CFDs com este provedor. Deve ponderar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o risco elevado de perder o seu dinheiro.
As melhores ações inglesas

Comprar ações do Rio Tinto

O mercado financeiro inglês é objeto de forte especulação por parte dos investidores europeus. Quais ações negociar, então, para angariar lucros em curto, médio ou longo prazo? É o que lhe propomos descobrir ao acompanhar algumas das melhores ações inglesas do momento e nossas explicações sobre a forma de negociá-las.

 

Em que mercados são inscritas as melhores ações inglesas?

Antes de empenhar-se na especulação sobre as melhores ações inglesas, é preciso saber em que mercado financeiro elas têm cotação e como funciona a tal praça financeira.

O mercado de referência para as ações inglesas é o London Stock Exchange, localizado em Londres. Trata-se de um dos mais antigos mercados financeiros do mundo, dado que nasceu no século XVII. Por meio de uma expansão econômica importante, o LSE, como é comumente chamado, tornou-se primeiramente uma instituição financeira relevante da cidade de Londres. Mais tarde, essa instituição iria se transformar num real mercado financeiro de referência, ao mesmo tempo sólido e regulamentado de maneira rígida e coerente.

Até meados do século XX, a Bolsa de Paris será um forte concorrente do London Stock Exchange, embora a Bolsa de Londres tenha tomado a liderança europeia depois da Primeira Guerra Mundial.

A Bolsa de Londres, em termos de capitalização financeira total, é a quarta maior praça financeira do mundo, situando-se logo atrás da Alemanha, a terceira desse elenco. Os dois primeiros lugares são atualmente ocupados pelo NYSE dos Estados Unidos e a Bolsa de Tóquio, no Japão. Tal proeminência do LSE dentre as maiores praças financeiras internacionais é devido, em grande parte, à compra da Borsa Italiana em 2007, que o promoveu como um dos maiores grupos financeiros do mundo, mas também uma praça financeira singularmente internacionalizada. Com efeito, encontram-se nessa praça de cotação, as ações de cerca de 60 países distintos, classificadas de acordo com seu setor de atividade.

O mercado financeiro de Londres é dividido em várias categorias, cuja maior é o Main Market, mercado que corresponde ao Eurolist do mercado Euronext. Depois, encontra-se o mercado International Market, que reúne as empresas estrangeiras, o Alternative Market, com as empresas menores, e o mercado Domestic Equity Market.

Evidentemente, as ações inglesas que você terá a possibilidade de negociar por meio dos CFD das plataformas de trading on-line, ou através de qualquer outro produto financeiro na Bolsa, são todas inscritas nessa praça financeira. É, portanto, o mercado que você deve acompanhar para encontrar as melhores ações desse país.

 

As melhores ações inglesas cotadas no FTSE:

Para encontrar as melhores ações inglesas de serem negociadas no mercado financeiro, inútil buscar dentre os inúmeros títulos inscritos na Bolsa de Londres. Com efeito, o ideal é concentrar-se nas ações cujas empresas fazem parte do índice financeiro de referência nacional britânico, o FTSE 100. Vamos saber mais a seguir acerca desse índice, frequentemente apelidado com o nome de “Footsie”.

O FTSE 100 é o índice do mercado financeiro inglês e, como o nome indica, ele é composto das 100 empresas cotadas na Bolsa de Valores de Londres, escolhidas em função da importância de sua capitalização financeira total. Portanto, fala-se do Footsie como sendo um índice ponderado pela capitalização. Mas o FTSE 100 é também conhecido por ser um dos maiores índices financeiros do mundo e um dos mais seguidos pelos investidores, dado que ele reflete o desempenho das maiores empresas do Reino-Unido, que é uma das maiores economias do mundo.

Considerando que o Footsie é um índice ponderado pela capitalização das empresas que o compõem, é relevante compreender como determinadas ações que nele se encontram influenciam mais fortemente sua cotação. Com efeito, as 10 primeiras empresas que são cotadas nele representam, por si só, cerca de 40% do seu valor total. Dentre esse “Top Ten”, encontram-se principalmente empresas do setor de energia, como petróleo e gás, com, dentre outras, as empresas Royal Dutch Shell ou British Petroleum. Essas empresas emitem títulos que podem ser considerados como fazendo parte das melhores ações inglesas.

Notemos também que a composição do índice FTSE evolui com o tempo. Mais especificamente, as empresas que o compõem são avaliadas trimestralmente e podem ser substituídas. Embora o FTSE 100 seja o índice mais interessante para encontrar as melhores ações inglesas, você pode também estudar o índice FTSE 250, que é um equivalente, mas reunindo, como o nome já indica, as 250 empresas com capitalizações financeiras mais elevadas, logo atrás daquelas 100 primeiras. Assim sendo, quando uma empresa cotada no FTSE 250 chega a aumentar sua capitalização financeira acima de uma empresa cotada no FTSE 100, essas empresas trocam de lugar, desde que a primeira atinja uma das 90 primeiras vagas do ranking do FTSE 100 e que a segunda caia abaixo do 11º lugar no FTSE 250.

 

Onde negociar as melhores ações inglesas?

Para especular sobre a cotação das melhores ações inglesas, basta dispor de uma conta de trading on-line, cadastrando-se numa plataforma de broker CFD. Cadastre-se já numa plataforma de qualidade!