O índice da Bolsa de Valores de Londres

A Bolsa de Valores de Londres, também chamada LSE por “London Stock Exchange”, é a principal praça financeira do Reino-Unido e é aí que, diariamente, são trocados os títulos de todas as companhias britânicas cotadas em Bolsa. Como em todas as outras praças financeiras nacionais, a Bolsa de Valores de Londres possui um índice financeiro principal, o FTSE, também apelidado de “Footsie”. É acerca dele que apresentamos a seguir algumas informações.  

Negocie o FTSE 100 agora mesmo!
O índice da Bolsa de Valores de Londres
Os CFDs são instrumentos complexos e comportam um nível de risco elevado de perder dinheiro rapidamente devido à alavancagem. 65% das contas de clientes particulares perdem dinheiro, ao transacionar CFDs com este provedor. Deve ponderar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o risco elevado de perder o seu dinheiro.
Classificação: 3.80 25 votos

 

Apresentação detalhada do FTSE:

A sigla FTSE (em inglês) corresponde a “Financial Times Stock Exchange”. Esse índice financeiro integra 100 empresas britânicas cotadas na Bolsa de Valores de Londres, selecionadas em função da sua capitalização financeira.

Nota-se também que o índice FTSE 100 é atualmente o mais utilizado dentre os índices da Bolsa londrina.

Para negociar com eficácia esse índice financeiro com os CFD, é importante entender que ele é perfeitamente representativo da economia britânica e da saúde financeira e econômica do país. Para isso, basta observar que as empresas que lá estão representadas correspondem a mais de 80% da capitalização financeira totalda Bolsa de Valores de Londres.

Mas nem todas as empresas que lá estão cotadas têm o mesmo peso no cálculo desse índice.Por isso, é preciso acompanhar de perto os resultados das cinco mais importantes, a saber: BHP Billiton, Royal Dutch Shell, HSBC, Vodaphone et British Petroleum.

 

Histórico das cotações do índice da Bolsa de Valores de Londres:

A análise histórica das cotações do FTSE 100 nos fornece valiosas indicações de como ele reage às diversas situações econômicas e às crises.

Inicialmente cotado em 1.000 pontos como base, foi em 1999 que esse índice atingiu seu mais alto patamar históricoem 6950,60 pontos. Em seguida, ele evoluiu com altos e baixosentre 2006 e 2007, terminandoem 6730,70 pontos.

Como a maioria dos outros índices internacionais, o Footsie sofreu durante a crise dos subprimese baixou para cerca de 5.495 pontos.

É, depois, a crise econômica que levará esse índiceao ponto mais baixo,perto dos 3.500 pontos em 2009. Seguiu-se uma série de recuperações até o nível dos5.500 pontos, em 2010, e depois, uma nova correção baixista.

Desde 2010, o FTSE 100 teve umatendênciageral de evolução altista. Com efeito, pôde‑se constatar uma forte tendência altista emjulho de 2010, que lhe permitiupassar a marca dos 6.000 pontos.Em 2011, esse índice se estabilizou por volta dos 5.800 pontos.

 

As empresas mais importantes da composição do FTSE 100:

OFootsieé, portanto, um índice britânicoque informa sobre a capitalização flutuante ponderada dos 100 ativos britânicos com a maior liquidez e possuindo as mais altas capitalizações financeiras, cotados na Bolsa de Londres.

O FTSE 100 é cotado permanentemente, o que significa que seu preço é atualizado a cada 15 segundos em função da situação do mercado. É importante notar que a composição desse índice financeiro é revisada a cada trimestre. Quando uma empresa listada deixa esse índice, ela é geralmente substituída por uma empresa cotada noFTSE 250, que é a versão ampliada do índice que nos interessa hoje.

Ocorre também queo número de títulos cotados seja superior a 100, principalmente quando empresas emitem váriostítulos distintos. Para melhor entender como é composto o índice financeiro da Bolsa de Londres, ou seja, o FTSE 100, eis aqui as 36empresas mais importantes de sua composição em termos de capitalização:

  • Royal Dutch Shell;
  • BP;
  • Vodafone Group;
  • HSBC;
  • GlaxoSmithKline;
  • AstraZeneca;
  • British American Tobacco;
  • BG Group;
  • Tesco;
  • BHP Hilton;
  • Diaego;
  • Unilever;
  • Imperial TorácicoGrous;
  • Reckitt Benckiser;
  • SABMiller;
  • Standard Chartered;
  • National Grid;
  • Rio Tinto grous;
  • Lloyds TSB;
  • BAE Systems;
  • Centrica;
  • Scottishand Southern Energy;
  • Barclays;
  • Royal Bank of Scotland;
  • British Sky Broadcasting;
  • Prudential;
  • Aviva;
  • British Energy;
  • BT Group;
  • Cadbury;
  • Morrisons;
  • CompassGroup;
  • Rolls-Royce;
  • Sainsbury’s;
  • Reed Esleivier;
  • Shire.

Os diferentes setores de atividades aqui representados são: agroindústria, bancos, energia e petróleo, seguros, distribuição, fabricação de cervejas, mineração, armamento, multimídia, indústriafarmacêutica, varejo, restaurantes, tabaco e telecomunicação.,

Observe também que odesempenho do índice londrino é próximo daqueles do Dow Jones, do CAC 40 e do DAX 30.

O trading on-line do índice da Bolsa de Londres:

Tal como muitos dos grandes índices financeiros, o FTSE pode ser negociado diretamente on line por meio dos CFD. Ao apostar nesses contratos, você poderá negociar tanto na alta como na queda da cotação desse ativo.

Negocie o FTSE 100 agora mesmo!*
Os CFDs são instrumentos complexos e comportam um nível de risco elevado de perder dinheiro rapidamente devido à alavancagem. 65% das contas de clientes particulares perdem dinheiro, ao transacionar CFDs com este provedor. Deve ponderar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o risco elevado de perder o seu dinheiro.