O que é a análise técnica ?

A análise técnica preenche um papel fundamental no investimento na Bolsa de Valores. Aprenda a realizar suas próprias análises técnicas e fundamentalistas através de nossas explicações.

Comece a negociar on-line*
* Os CFDs são instrumentos complexos e comportam um nível de risco elevado de perder dinheiro rapidamente devido à alavancagem. 65% das contas de clientes particulares perdem dinheiro, ao transacionar CFDs com este provedor. Deve ponderar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o risco elevado de perder o seu dinheiro.
Como analisar os gráficos financeiros?

Encontre aqui todas as informações úteis que lhe permitirão ler, entender e interpretar os diferentes gráficos financeiros relativos à análise técnica, bem como algumas explicações sobre as diferentes formas de transcrição.

Análise de tendências

Entenda como e por que fazer uma análise das tendências para especular na Bolsa de Valores. Explicamos a seguir diferentes métodos e indicadores a serem utilizados para conhecer o sentido, a força e a duração de uma tendência.

Suportes e Resistências

Suportes e resistências são indicadores técnicos a serem perfeitamente conhecidos para ter êxito nos seus investimentos na Bolsa de Valores. Seguem algumas informações que o ajudarão a entender seu funcionamento e sua utilidade.

Método da média móvel

As médias móveis são indicadores técnicos importantes que permitem melhor negociar sobre as tendências determinando os níveis de entrada e de saída mais interessantes do mercado em um dado período.

O MACD (Moving Average Convergence Divergence)

O MACD é um indicador muito preciso que utiliza as diferenças de médias móveis exponenciais. Entenda como utilizá-lo para a análise técnica a fim de aumentar ao máximo suas chances de lucro na Bolsa de Valores.

O calendário econômico

O que é o calendário econômico, e para que serve? Para entender, veja nossas explicações sobre a função dessa ferramenta indispensável e a interpretação das suas informações para obter indicadores confiáveis.

Bandas de Bollinger

As Bandas de Bollinger são um dos indicadores de volatilidade utilizados para a análise técnica da cotação de um ativo. Entenda como funciona esse indicador e a forma de utilizá-lo para a negociação on-line.

Candlesticks (candelabros japoneses)

Os “candlesticks”, ou “candelabros japoneses”, fazem partes dos modos de apresentação de dados mais utilizados pelos investidores, sejam individuais ou profissionais. Entenda como ler e interpretar esses gráficos para apreciar as tendências de um ativo.

Indicador de Força Relativa – RSI (Relative Strength Index)

O Indicador RSI, ou Relative Strength Index, é um dos mais utilizados no mundo. Saiba como interpretar esse indicador técnico a fim de determinar a dinâmica de um mercado e elaborar uma estratégia de negociação eficaz.

Sistema SAR parabólico

A utilização do indicador SAR parabólico permite obter indicações dos níveis em que deve posicionar suas ordens stop. Entenda como utilizar esse indicador no trading e como interpretá-lo.

Estratégia dos Pontos de Pivot

O método dos pontos pivot é uma técnica da análise técnica muito difundida que permite a todos os investidores identificar os pontos mais interessantes do mercado. Entenda sua utilização para negociar.

O Carry Trade

Entenda, a partir das nossas explicações e recomendações, o que é o método do Carry Trade, como funciona e como aplicá-lo para obter lucros interessantes ao investir em pares de divisas no Forex.

A estratégia Day Trading

Le Day Trading é um dos métodos de investimento financeiro mais apreciado no momento. Para entender melhor essa técnica e seu funcionamento, seguem algumas indicações e informações práticas.

Análise fundamentalista de ações

A análise fundamentalista é um dos dois tipos de análise essenciais para a negociação na Bolsa de Valores. Entenda do que se trata e como retirar informações úteis para ter êxito nos seus investimentos.

O que é volatilidade?

A análise da volatilidade é muito útil para especular na Bolsa de Valores. Entenda como analisá-la de forma correta e como utilizar os resultados obtidos para negociar no mercado.

O que é o Swing Trade?

O “Swing Trade” é certamente um dos métodos mais apreciados dos investidores na Bolsa de Valores, já que permite obter lucros interessantes utilizando as tendências do mercado. Entenda seu funcionamento e algumas recomendações.

Sinais de trading gratuitas sobre a Bolsa de Valores

Descubra as recomendações diárias de trading na Bolsa de Valores, totalmente gratuitas, com o site “estrategia-bolsa.com” e entenda como tirar vantagem destas informações para seus investimentos on-line.

Indicadores técnicos utilizados na Bolsa de Valores

Veja como realizar uma análise técnica completa com a descrição dos indicadores técnicos mais utilizados na Bolsa de Valores e sua interpretação para definir o sentido das tendências previstas.

Os robôs de trading são confiáveis?

Em termos de trading nos mercados financeiros, tudo é possível! Inclusive pedir para um robô realizar as negociações no seu lugar. Entretanto, os especialistas do mercado questionam a confiabilidade desses robôs de trading.

Quando se decide por investir nos mercados financeiros, seja na Bolsa de Valores, seja no Forex, e quaisquer sejam os instrumentos ou produtos de investimento escolhidos, é essencial saber como analisar os mercados a fim de definir, com a maior precisão possível, a direção – para a alta ou a baixa – que a cotação de um ativo pode tomar, e assim programar estratégias de negociação eficientes.  Existem duas formas de análise para os investidores, a saber: a análise técnica e a análise fundamental. Nesse capítulo, vamos lhe explicar o que é a análise técnica dos mercados e qual é sua pertinência em termos de investimento on-line.

 

Análise técnica: O que é?

Chama-se “análise técnica” um método que visa prever as tendências futuras dos ativos dos diferentes mercados financeiros. Como o próprio nome diz, a análise técnica é somente baseada no aspecto técnico das coisas e somente utiliza aspectos gráficos dos dados históricos disponíveis. Aqui, serão analisados mais especificamente os preços, os volumes negociados e os juros aplicados.

Os investidores que efetuam as análises técnicas utilizam indicadores matemáticos e estatísticos, mas também os indicadores gráficos mais difundidos. Depois, utilizam as conclusões obtidas para tomar suas decisões e abrir suas posições.

Os indicadores mais utilizados para esse tipo de análise são inseridos nos gráficos em tempo real. Portanto, é sua interpretação que permite saber como a cotação do ativo vai se comportar em curto ou médio prazo. Esses gráficos permitem obter sinais de baixa ou de alta da cotação por meio das tendências, em outras palavras, de venda ou de compra.

 

Vantagens e desvantagens da análise técnica:

Antes de tudo, a análise técnica apresenta a vantagem de somente requerer poucos dados básicos para ser utilizada, já que usa apenas os dados gráficos do histórico das cotações.

Utilizando pontos precisos no tempo e níveis claramente definidos, a análise técnica permite prever de forma mais precisa os momentos mais importantes e, portanto, os melhores pontos de entrada e de saída do mercado.

Mas a análise técnica também tem seus limites. De fato, um dos efeitos da análise técnica e da sua utilização cada vez mais frequente é de provocar movimentos na cotação de um ativo pela combinação das análises de muitos investidores. É o que é chamado uma “direção antecipada”.

Por outro lado, convém sempre utilizar a análise técnica em complemento da análise fundamental. Com efeito, um acontecimento imprevisto pode vir interferir e contradizer as conclusões de qualquer análise técnica, mesmo muito precisa. O que faz com que negociar nos mercados financeiros não seja uma ciência exata. Portanto, atente sempre aos eventos da atualidade que podem influenciar as cotações.

 

Os indicadores técnicos adaptados para os principiantes:

Se a análise técnica lhe causa arrepios pela sua aparente complexidade, saiba que até mesmo os investidores neófitos podem facilmente utilizar os gráficos para fazer previsões e tomar posições estratégicas. Para tanto, basta estudarem prioritariamente os indicadores mais simples e, portanto, adaptados ao seu nível de conhecimento. Dentre tais indicadores técnicos, encontram-se:

  • Os pontos de pivô: Esses indicadores são facilmente identificáveis nos gráficos fornecidos pelas corretoras e são, na realidade, níveis nos quais a cotação tem mais chances de evoluir, prolongando sua tendência ou, ao contrário, revertendo-a. Esperar para ver a evolução de um valor num ponto de pivô dá uma boa indicação para tomar diretamente posição ao vivo.
  • Os níveis de suporte e resistência: Esses níveis também são ideais para uma tomada de posição. Um suporte corresponde a um patamar psicológico forte para a queda. Assim sendo, quando a cotação do ativo ultrapassa esse suporte para baixo, indica um fortalecimento da tendência baixista e, quando resistir, anuncia uma provável reversão altista. Quanto à resistência, trata-se de um limiar psicológico para a alta. Quando é ultrapassada, constatamos frequentemente, uma progressão altista, mas quando esta resiste, a uma reversão baixista.

É também possível, para os iniciantes que não desejam se investir na análise técnica, acessar sinais oriundos dessa análise, os quais são propostos gratuitamente pelas plataformas de trading. Ao escolher os sinais tendo o maior índice de confiança, você multiplicará suas oportunidades de ganho na Bolsa sem precisar mergulhar nos meandros da análise técnica e gráfica.

Paralelamente, não se esqueçam de utilizar a análise fundamentalista para implementar estratégias mais confiáveis que levem em consideração todos os fatores influentes.

 

Classificação: 4.00 1 votos